quarta-feira , 11 dezembro 2019
Circuito do Sol 20 topo

Publicidade

Ínicio / #Especial MaratonaSP / Performance ou qualidade de vida na corrida?

Performance ou qualidade de vida na corrida?

Essa é uma discussão muito comum e muitas vezes chata que acaba afastando pessoas.

Existem os saudosistas que acreditam que a corrida DEVE ser somente pensando em performance, que todo dia os recordes devem ser quebrados, que é necessário cruzar toda a linha de chegada vomitando, com os bofes pra fora, que participar de corrida não é legal, que o objetivo deve ser sempre correr, correr, correr e muito papo furado querendo menosprezar quem consegue uma vitória muito maior que qualquer recorde pessoal, consegue vencer a preguiça e ganhar muito mais qualidade de vida.

Correr pela qualidade de vida é muito mais agradável que correr por recordes e mais recordes porque um dia o limite físico é alcançado e muitas pessoas para conseguirem uma performance melhor acabam procurando formas ilícitas e desonestas que podem além de prejudicar a saúde física, comprometer ainda mais a saúde mental, porque quem procura aditivos já é dotado de problema mental, só vai piorar o quadro, e se for desmascarado, ainda deixará o exemplo nada bonito de como ser desonesto por tão pouco.

Eu sou totalmente a favor da corrida, seja ela da forma que for, mas sempre com o mínimo de inteligência. Correr pelo prazer, pela qualidade de vida, pela performance, para incentivar pessoas, para sair da zona de conforto, para perder peso, para oxigenar o cérebro, mas sempre com segurança e inteligência.

 

Curta a NOVA página SempreCorrendo no Facebook

Como foi muito acessado em “Meia Maratona – Qual o tempo para terminar? não consigo apoiar uma pessoa que entre em provas longas sem o devido treino. Não acho normal alguém se inscrever em uma meia maratona pensando em terminar com mais de 2:30 ou em uma maratona já idealizando 6 horas para a conclusão. No Brasil não existe clima ou estrutura para loucuras dessa proporção.

Provas até 15 kms para completar em no máximo 2 horas com largada bem cedo ainda é uma loucura aceitável. Para maiores distâncias só deveriam ser aceitas as inscrições com comprovação de tempo ou todos deveriam entender e respeitar os cortes no percurso previstos no regulamento.

Conversando com o pessoal que recolhe a prova, a turma do antigo caminhão prego, que hoje vem com um ônibus recolhendo os inscritos que estão muito lentos, caminhando muito antes do meio da prova, eles me disseram que QUASE NENHUM inscrito aceita ser retirado da prova, que eles continuam sabendo que serão cortados, que não terão apoio, hidratação e que no final não haverá medalha. Mesmo assim, insistem em continuar e assumem riscos totalmente desnecessários. Alguns ainda saem criticando os organizadores, mesmo estando eles fora do regulamento e tendo recusado a carona.

Esse assunto é interminável, é questão de educação e comprometimento. Ninguém precisa ser rápido para ser um corredor, ninguém precisa correr uma maratona para ser um corredor. Ninguém precisa de rótulos ou marcas para ser um corredor.

Todos os seres humanos nascem e antes de andar estão correndo para não cair. Correr é natural. Correr é meio de locomoção. Correr provas e conquistar tempos, medalhas e troféus é aptidão e muito treino.

O importante é ser feliz, é correr feliz e se divertir correndo.

No próximo domingo acontece a Corrida da Mulher caixa no Rio de Janeiro e a mulherada vai para fazer a festa na lagoa Rodrigo de Freitas em busca de qualidade de vida, de alegria, para deixar o suor e também uns quilos pelo caminho. É claro que vai ter aquela turma em busca de um degrau no pódio, essas treinam muito, provavelmente com assessoria técnica, nutricional e médica em busca da performance.

Todas as inscritas merecem aplausos pela vontade de sair da zona de conforto, de acordar cedo no domingo e de percorrer a volta toda da Lagoa em busca de uma merecida medalha.

Boa prova a todas!!! Divirtam-se!!!

 

Colucci

Blog e Run

Atletas da qualidade de vida prontas para a

Corrida da Mulher CAIXA

Participantes da prova, que acontece na Lagoa Rodrigo de Freitas,

neste domingo, falam sobre os benefícios do esporte

É neste domingo, 19/3, que duas mil mulheres se reunirão na Lagoa Rodrigo de Freitas para uma das provas mais tradicionais do Rio de Janeiro: a Corrida da Mulher CAIXA.

Chegou a hora de colocar em prática os treinos e desfrutar de toda a alegria e energia do evento. Preparadas para o desafio de 7,5 km, participantes falam sobre a importância do esporte para elas. E sobre a qualidade de vida que o exercício lhes trouxe.

Fotos: Cláudio Torós

Carinhosamente chamada de “Sol” por seus amigos, Sonia Lima irá brilhar na prova deste domingo. Mas sua verdadeira conquista é diária, com todos os benefícios que a corrida de rua proporciona.

“No ano passado, fui convidada por uma amiga da academia a participar da Corrida da Mulher CAIXA. Recusei na hora dizendo que odiava correr (risos). Ela, gentilmente, disse: ‘Sol, você pode caminhar na prova’. Então, topei, porque caminhada era a minha praia, principalmente na Lagoa. Foi o início da corrida de rua para mim. Comecei a fazer aulas com uma personal trainer para me condicionar melhor e fechei o ano com 28 medalhas. Hoje, a corrida se tornou um vício saudável, e, 19 quilos mais feliz, me considero uma atleta em busca da superação diária”, conta.

Para Aline de Oliveira, a Corrida da Mulher CAIXA representa um recomeço no caminho da boa forma.

“Em 2011, participei da minha primeira corrida. Tinha acabado de emagrecer aproximadamente 20 quilos. Estava muito feliz e comecei a treinar com uma prima querida. Dois anos depois, realizei um dos meus maiores sonhos: engravidei de novo e hoje sou mãe da menininha mais sapeca e encantadora que conheço, minha boneca Maria Luíza. Acabei engordando um pouco, mas, com foco e força, acredito que conseguirei novamente”, afirma.

Sobre a Corrida da Mulher CAIXA

Com percurso de 7,5 km, a prova será realizada às 8h, na Lagoa Rodrigo de Freitas, Zona Sul do Rio de Janeiro. A largada será realizada na altura do Corte do Cantagalo. Participantes que desejam apenas caminhar também poderão participar da prova. As mulheres que participarem do evento terão à disposição massoterapia, alongamento, hidratação e alimentação. Todas as participantes que completarem a prova ganharão uma medalha exclusiva. As cinco primeiras colocadas no geral ainda levarão troféus. Além disso, haverá premiação para as três primeiras equipes com o maior número de inscritas (empresas, colégios, universidades, academias, personal trainer, grupo de corrida, etc).

As atletas inscritas receberão Bag (Sacola de kit), Viseira corredora em Dry e Camiseta Poliamida Dry.

A Corrida da Mulher CAIXA é organizada pela Spiridon Eventos, com patrocínio CAIXA e Governo Federal. O evento conta com parcerias da Prefeitura do Rio, Appai e Rádio MANIA. Apoio Suco do Bem.

SempreCorrendo no Youtube – INSCREVA-SE

SempreCorrendo.com.br

Sobre Antonio Colucci

Um corredor que escreve, 'RunPorter' e Pai do Diego. Correndo desde 2004; Escrevendo desde 2007; Pai do Diego desde 2008; Maratonista desde 2009.

Veja também

ULTRABOOST 20 adidas running

Novidade adidas Brasil. Lançamento hoje, 27/11/19. SIGA NOSSO INSTAGRAM Corrida Insana SP com desconto QUER …

Concorra inscrições de provas, camisetas e brindes.

Cadastre-se na nossa newsletter e saiba de tudo .

Obrigado! Foi enviado um email de confirmação para você.