sábado , 24 outubro 2020
Live SC topo

Publicidade

Ínicio / Blog do Colucci / Corrida sem corrida, sem mérito, sem medalhas

Corrida sem corrida, sem mérito, sem medalhas

medalhas
imagem da internet

Sexta-feira, 18 de março de 2016

Já pensou em correr uma prova de corrida de rua e não ter uma medalha no final para premiar o seu esforço?

Uma corrida normal, para amadores, para corredores que buscam no ESPORTE CORRIDA um estímulo a mais para ter uma boa saúde, para manter a forma, para melhorar sua performance, para quebrar recordes de tempo ou de distância, para encontrar amigos e confraternizar pós exercício?

Essa é a tendência do atual mercado de corridas, já existem provas que não entregam medalhas para os concluintes e a maioria deles só descobre isso após o término da competição.

O ERRO maior é do próprio corredor que COMPRA a corrida sem ler o regulamento.

Em 2010, uma famosa corrida entregou a medalha junto com o kit de participação, essa atitude foi muito contestada, aconteceu um protesto pacífico e essa brilhante ideia não teve sequência, não virou rotina e nunca mais ouvimos falar de algo parecido. Medalha é mérito, é conquista. Quem ganha uma sabe o quanto de suor foi necessário para recebê-la.

Agora, o que já foi alterado com a brilhante desculpa comparando com os jogos olímpicos é a premiação para os vencedores. Corridas que durante muitos anos premiou os CINCO mais rápidos com troféus entrou 2016 premiando somente os TRÊS mais rápidos e sem troféus, com medalhões e a explicação para essa mudança foi que nos Jogos Olímpicos somente TRÊS sobem ao pódio e recebem medalhas.

Se essa lógica dos Jogos Olímpicos forem levadas a risca o problema ficará ainda maior, pois para participar de uma competição olímpica é necessário índice e existe uma limitação de participantes por país. Logo, não haverá inscrito numa corrida dessas. Aliás, não existe site para se inscrever em uma competição olímpica. E os medalhões olimpicos são de OURO, PRATA e BRONZE.

Por outro lado, e ainda seguindo essa lógica, se for para “homenagear” os jogos olímpicos, SOMENTE os vencedores, TRÊS mais rápidos devem receber as medalhas. Os outros milhares de inscritos não são merecedores de tal mérito. Entregar medalhas para todos os concluintes é uma afronta ao espírito olímpico.

A outra parte da justificativa para essa mudança foi que a Corrida de rua organizada por eles não é uma COMPETIÇÃO, é somente um estímulo para a qualidade de vida. Sendo assim, os milhares de inscritos que acordam cedo no domingo ou sacrificam a tarde de sábado para participar de uma corrida noturna estão perdendo tempo, não precisam se inscrever em uma prova pois não é uma competição, é só qualidade de vida. As ruas e parques estão disponíveis para quem pretende somente correr por qualidade de vida. Inclusive, as pessoas que treinam durante a semana visando a corrida do final de semana está perdendo tempo com isso. Treinar e correr é a mesma coisa, só qualidade de vida.

Todos os inscritos nessas provas deveriam manter o mesmo ritmo durante o percurso, respeitando o do mais lento e assim todos completariam a corrida juntos, um ao lado do outro, comemorando a qualidade de vida, sem competição com os outros corredores e muito menos com os próprios tempos.

É um assunto um tanto estranho esse, falar de esporte sem ter competição, falar de corrida sem ter o campeão, falar de premiação sem ter prêmio. Tá tudo muito estranho. A maioria das pessoas, principalmente os corredores que participaram dessas provas nem imaginam que foi mudada a forma de premiação. E continuarão não sabendo e se inscrevendo normalmente porque não pleiteiam um lugar no pódio e não leem o regulamento.

Os únicos prejudicados foram os mais rápidos, os corredores amadores que buscam através da corrida um espaço, um modo de vida, uma profissão.

As inscrições são caras, a quantidade de inscritos é grande, mudar o prêmio e a quantidade de premiados para menor é desestimulante para o esporte. É o fim do esporte.

Enquanto estamos lutando por melhorias nas corridas, por premiações, por mais espaço para o esporte, vemos as mudanças acontecendo exatamente ao contrário.

Tem uma pesquisa para os corredores sobre esse item premiação circulando pela rede.
Pare um minuto e responda, é um dado muito importante para futuras reinvindicações.

ACESSE AQUI E RESPONDA!!! COMPARTILHE COM OS AMIGOS CORREDORES.

A tendência é que em breve as corridas não terão mais pódio, não terá mais medalha, não terá mais nada, só terá a inscrição CARÍSSIMA onde o corredor não poderá nem reclamar.

Responda a pesquisa, sua opinião é muito importante!

#BlogeRun2016
#Colucci

Sobre Antonio Colucci

Um corredor que escreve, 'RunPorter' e Pai do Diego. Correndo desde 2004; Escrevendo desde 2007; Pai do Diego desde 2008; Maratonista desde 2009.

Veja também

Estamos NO AR – PodCast SempreCorrendo no Spotify

Novidade. Estamos no ar com nosso Resgate da História do Atletismo Brasileiro no spotify. Procure …

Concorra inscrições de provas, camisetas e brindes.

Cadastre-se na nossa newsletter e saiba de tudo .

Obrigado! Foi enviado um email de confirmação para você.