quarta-feira , 26 janeiro 2022
Live SC topo

Publicidade

Ínicio / Corridas / Corrida de Rua / 10 km / 35ª 10 km Tribuna FM-Unilus

35ª 10 km Tribuna FM-Unilus

No domingo, 05 de dezembro de 2021 aconteceu em Santos, no litoral de São Paulo a mais tradicional e rápida corrida de 10kms do Brasil.

A 35ª edição dos 10kms da Tribuna FM marcou o retorno das provas pós pandemia. Essa edição era para ter acontecido em Maio de 2020 e foi adiada até que pudesse acontecer agora, ainda com muitos protocolos e pouca aglomeração. Até mesmo o número de participantes foi reduzido em comparação as últimas edições.

O clima em dezembro é bem diferente de maio, mas mesmo assim a prova continuou rápida e todos foram buscar seus melhores tempos e a muitos conseguiram seus novos recordes.

Muito bom rever tantos amigos, a maioria bem de longe ou na rede social, mas todos muito contentes em poder retornar as ruas.

Confira a Galeria de fotos.

Dessa vez a correria por conta do Resgate da História do Atletismo Brasileiro só deu para correr a prova e voltar para Sampa, mas ainda assim foi muito bom.

LARGADAS – AO VIVO

Abaixo as informações oficiais.

 

Inscreva-se no CANAL e APOIE O RESGATE DA HISTÓRIA DO ATLETISMO BRASILEIRO

(CHAVE PIX: resgatedoatletismobr@gmail.com)

 

 

 

Wendell e Franciane garantem dobradinha brasileira no 35º 10 KM Tribuna FM-Unilus

DESDE 2003 O BRASIL NÃO GARANTIA AS 2 VITÓRIAS NO MESMO ANO NA CORRIDA EM SANTOS

O Brasil voltou a garantir uma dobradinha nos 10 KM Tribuna FM-Unilus, em Santos. Wendell Jerônimo Souza e Franciane dos Santos Moura foram os vencedores da 35ª edição da corrida mais rápida do Brasil na distância, realizada neste domingo (5), com 8,7 mil inscritos. Desde 2003, o Brasil não tinha duas vitórias no mesmo ano. A prova, que seria realizada em maio de 2020 e foi adiada pela pandemia do Covid-19 e, novamente, foi marcada por muita animação na retomada dos grandes eventos esportivos ao ar livre.

Todos os protocolos de segurança foram adotados, inclusive com a entrega de máscaras de proteção aos participantes no final do percurso. Os amadores foram divididos em grupos de até mil participantes, com largadas “em ondas” a cada cinco minutos. “O desafio foi cumprido e graças a população conseguimos fazer essa prova. Agradecer também ao prefeito Rogério Santos, que nos ajudou muito e, principalmente, o secretário de Esportes, Gelásio Ayres. Eles foram parceiros para conseguimos fazer essa prova com todos os protocolos de segurança aos atletas”, disse o diretor-presidente de A Tribuna, Marcos Clemente Santini.

Na disputa pelas vitórias, dessa vez os quenianos não foram ameaças como nos anos anteriores. No masculino Bernard Chumba foi só o décimo colocado, enquanto entre as mulheres Vivian Kiplaglat foi a terceira. Desde 2007, pelo menos um atleta do continente africano subiu ao lugar mais alto do pódio. A última vitória dupla do Brasil aconteceu em 2003, com Marilson Gomes dos Santos e Ednalva Lauriano, a Pretinha.

Já a conquista mais recente do Brasil foi com Tatiele Roberta de Carvalho, em 2017, tendo um queniano vencedor entre os homens. Nesta edição, foi diferente. Os brasileiros dominaram do início ao fim. Entre os homens, Wendell ditou o ritmo. O atual vice-campeão do Troféu Brasil de Atletismo nos 5 mil e 10 mil metros cruzou a linha de chegada com 29min04s, faturando R$ 3 mil de premiação.

“Essa é a quarta vez que venho, as outras eu fiquei em quinto. Vim em busca da minha melhor marca, passei perto, mas garanti a vitória, o que é muito importante. Quero dar parabéns para a organização. É uma prova perfeita”, afirmou o atleta de Pontes e Lacerda, no Mato Grosso, que é treinado por Adauto Domingues, o mesmo treinador do maior vitorioso na prova, Marilson Gomes dos Santos, com seis títulos.

O próprio Marilson esteve de volta a Santos, desta vez para prestigiar a disputa e torcer por Wendell. “É a prova que mais tenho carinho no Brasil, que mais vezes eu ganhei. Muito legal estar vendo essa retomada das corridas. É um prazer muito grande ver as pessoas se reunirem para correr aqui em santos. Estou muito feliz com o Wendell, estava torcendo por ele, por ser treinado pelo Adauto também”, falou. “A saudade bateu hoje, mas no meu tempo eu aproveitei bem”, brincou.

O treinador mais vitorioso na prova santista também comemorou a nova conquista. “Tenho um carinho muito especial pela prova, afinal de contas participei como atleta no final da década de 80. É uma corrida rápida, bem-organizada, sempre esperamos boas marcas e ainda sou agraciado com as vitórias”, ressaltou Adauto Domingues.

Wellington Bezerra, segundo colocado, falou da felicidade de fazer pódio em Santos. “Estamos voltando a viver uma coisa que estava difícil, que sentíamos falta. Muito feliz em voltar a competir no alto rendimento e ser segundo numa prova tão importante como A Tribuna. Parabéns para a organização, que diante de todas as dificuldades, voltou com uma prova tão importante para o Brasil”, afirmou.

No feminino, Franciane teve uma disputa boa com Graziele Zarry e a vitória foi definida no último quilômetro, com a primeira fazendo 33min49s e a segunda 34 cravados. “Já vim aqui várias vezes, cheguei a ser a melhor brasileira e agora voltei preparada para levar a vitória. É uma emoção grande colocar meu nome nessa lista de campeões”, comentou a nova campeã, que levou R$ 3 mil de prêmio.

Graziele, que também estava feliz com a excelente marca de seu noivo, Daniel Nascimento, na Maratona de Sevilha, na Espanha, disse ter uma comemoração dupla. “Essa é uma prova sonhada por todas, sempre com as melhores e estou satisfeita com o meu resultado. Já estava feliz com o Daniel e agora teve meu segundo lugar”, contou.

Os melhores santistas na prova foram Maurício Santana Evangelista, na 23ª colocação no masculino, com 33min48s, e Angelina Rafael, em 14º lugar entre as mulheres, com 40min30s. Já na disputa dos cadeirantes, a paralímpica Vanessa Cristina de Souza faturou o tetracampeonato para Santos, enquanto no masculino vitória de Rogério Costa Lima.

Junto à grande festa esportiva e ao incentivo ao esporte e à qualidade de vida, o 35º 10 KM Tribuna FM-Unilus teve um importante papel social, com as 50 mil embalagens plásticas usadas para hidratação dos participantes sendo recolhidas pela Borges Reciclagem para serem recicladas.

Depois das chegadas emocionantes da elite, a festa ficou para os amadores comemorando suas conquistas pessoais ao cruzarem a linha, mas um casal chamou a atenção, com o empresário Henrique pedindo a meteorologista Heloísa em casamento. “Nos conhecemos correndo e nada melhor do que fazer o pedido aqui”, falou.

A prova também contou com as homenagens para duas pessoas que foram importantes na história do evento. O diretor-presidente de A Tribuna, Marcos Clemente Santini, soltou dois balões brancos na chegada da prova, para lembrar o doutor Nelson Teixeira, ex-reitor do Unilus e presidente da Fundação Lusíada. Já no pódio, Santini fez questão de lembrar de Luiz Antonio dos Santos, campeão em 1984 e que comandava uma equipe de atletismo, inclusive com quenianos.

Os resultados completos da prova estarão disponíveis no site www.atribuna.com.br.

RESULTADOS OFICIAIS DO 35º 10 KM Tribuna FM-Unilus

MASCULINO

1 Wendell Jeronimo Souza – 29min04s

2 Wellington Bezerra – 29min30s

3 Samuel Souza do Nascimento – 29mn40s

4 André Luiz Silva Antonio – 29min49s

5 Carlos Oliveira dos Santos – 29min57s

Melhor santista – 23 – Maurício Santana Evangelista – 33min48s

FEMININO

1 Franciane dos Santos Moura – 33min49s

2 Graziele Zarri – 34min00s

3 Vivian Jeftanui Kiplaglati (Quênia) – 34min35s

4 Jessica Ladeira Soares – 34min50s

5 Simone Ponte Ferraz – 34min51s

Melhor santista – 14 – Angelina Rafael – 40min48s

CADEIRANTES

FEMININO – Vanessa Cristina de Souza – 26min12s

MASCULINO – Rogério Costa Lima – 27min43s


  Inscreva-se no Canal SempreCorrendo no Youtube

SIGA NOSSO INSTAGRAM

Todos os DOMINGOS às 16:30 em  facebook.com/SempreCorrendo

Grandes nomes que escreveram a história da corrida no Brasil

 

QUER SABER ANTES PARA NÃO FICAR DE FORA?
AVISE-ME das NOVIDADES

Sobre Antonio Colucci

Um corredor que escreve, 'RunPorter' e Pai do Diego. Correndo desde 2004; Escrevendo desde 2007; Pai do Diego desde 2008; Maratonista desde 2009.

Veja também

ASICS Lume Club na Maratona de Paris

A ASICS anunciou essa semana uma surpresa para 6 corredoras. As meninas do Asics Lume …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Concorra inscrições de provas, camisetas e brindes.

Cadastre-se na nossa newsletter e saiba de tudo .

Obrigado! Foi enviado um email de confirmação para você.