quinta-feira , 24 outubro 2019
Maratona Sorocaba topo

Publicidade

Ínicio / Blog do Colucci / Colucci / #Ano40 / Meia de Sampa 2015 – Veloz e Urbana

Meia de Sampa 2015 – Veloz e Urbana

Pódios Meia de Sampa 2015

Sexta-feira, 09 de outubro de 2015 – Dia do Atletismo

No último domingo, 04/10,  aconteceu em São Paulo a Meia de Sampa – Veloz e Urbana,  uma meia maratona com largada, concentração e chegada no Jockey Club de SP. Até aí tudo normal, nada muito fora do normal se não fosse o percurso. Eu considero esse o percurso mais rápido e menos chato da cidade, mesmo tendo que subir a ponte da cidade universitária sobre o Rio Pinheiros. Tudo que sobe, desce e na descida é legal para soltar e acelerar um pouco mais. O que torna esse percurso diferenciado para mim é não ter que entrar na USP e passar bem longe da avenida escola politécnica.

As idas e voltas também não me atrapalham, pelo contrário, dão até uma animada a mais ver quem está a frente ou quem vem atrás, não é um vai-e-volta na mesma via, tem sempre uma ilha para distanciar e jogar os “espertinhos” para longe. Os malandros cortadores de caminho são vistos por um número maior de corredores.

O fato de não ter uma premiação especial para os mais rápidos espanta os cortadores de caminho e muitos corredores mais rápidos nem ficam sabendo dessa boa prova que teve as inscrições esgotadas com bastante antecedência.

Junto com a Meia Maratona que dá o nome a corrida acontece também corridas de 5km e de 10km o que torna a largada geral da prova em uma enorme onda de corredores separada por pelotões que nem sempre são respeitados, mais uma vez os espertinhos criam formas de burlar a entrada para ficar tumultuando e apertando na frente. As provas de 5km e de 10km não são tão rápidas comparadas a outras por terem a passagem do túnel nos 5k e também a subida da ponte nos 10k, mas isso não interfere nas belas disputas pelo lugar mais alto do pódio.

Os pódios ficaram recheados de amigos do Colucci e Blog & Run e a diversão foi receber o troféu com a touca spider, infelizmente só tinham três toucas e alguns amigos ficaram sem.
Outros pódios virão e a touca estará presente. Até o divertido e animado Locutor Cezinha fez questão de colocar a touca para as fotos.

Essa é a melhor parte da corrida, a diversão, a amizade e as boas lembranças que cada prova deixa.

O post demorou um pouco para sair por conta dos resultados da corrida.
Acredito que ainda não estão 100% ok, mas já está algo mais próximo do real.

Não tive a resposta ou a explicação para o ocorrido, imagino que muitos atletas inscritos para os 21km não estavam aptos ou confortáveis  para correr todos os kms e retornaram na divisão dos 10km, marcando tempos absurdos para uma meia maratona e o sistema não conseguiu identificar isso no primeiro momento tornando a classificação algo SURREAL. Conferindo agora, ainda vejo muitos casos estranhos de pessoas com números da prova de 10k na lista dos 21km, mas em menor quantidade, número que quase não atrapalhe tanto a realidade.

Por essa prova não ter uma premiação diferenciada estilo TOP 100, não acredito que houve má-fé dos corredores, parece que foi uma falha do sistema e que está sendo corrigido. Continuo aguardando resposta para o ocorrido.

A prova que já tem um ótimo percurso contou com a participação especial de São Pedro que não esquentou e nem congelou, deixou um clima perfeito para a corrida e só ameaçou uma garoinha na hora do pódio, a hidratação foi perfeita com água gelada em todos os postos e isotônico em saquinho estilo chup-chup, não lembro a marca agora, mas foi perfeito, essas ideias elogiadas DEVEM ser copiadas por todos, o que é bom deve ser espalhado.

O que deixou um pouco a desejar foi a medalha, bonita, mas que foi igual para todos os percursos, sem diferença dos kms corridos e a faixa que estava com uma cola bem fajuta e a grande maioria descolava ao serem entregues. Faltou capricho.

O ano passado a prova foi em maio, cheguei na última hora, me diverti, corri com o Puma Faas 100 super baixo e fiz um ótimo tempo carregando a camiseta de manga comprida que levei pra largada.

Esse ano a prova mudou para outubro, tinha até esquecido dela, consegui um número para participar já na prorrogação e mesmo sem estar treinando longas distâncias(meu ultra longão foi de 7km) fui para a largada com um Adidas Energy Boost saído da caixa e consegui manter um ritmo muito melhor que o imaginado e chegar com sprint de prova curta. Ritmo médio de 4´30/km para 1:35 de prova.

Fotos na FanPage/BlogeRun

Agradecimentos especiais a Amanda, Priscila e Anderson pela correria.

Parabéns a todos os concluintes e especial para os amigos que fizeram a festa nos pódios.

Próximas provas: Festival de Atletismo KiAtleta para crianças, Troféu Santos Dumont no feriado do dia 12, Adidas Endless Run #BoostRIO.

Siga este BLOG – adicione seu email em “Cadastre seu Email Aqui” e receba as atualizações em primeira mão.

Inscreva-se no NOVO CANAL BLABLABLARUN do  Youtube.

Curta a página do blog no facebook e fique por dentro de muito mais sobre corridas: fb.com/BlogeRun 

Siga no Twitter @antoniocolucci e no Instagram @colucci_blogerun

 

 

  #aisim Colucci13
   Twitter: @antoniocolucci

 

Instagram:@colucci_blogerun

 

Concorra inscrições de provas, camisetas e brindes.

Cadastre-se na nossa newsletter e saiba de tudo .

Obrigado! Foi enviado um email de confirmação para você.